Banco central do Japão amplia programa de compra de ativos por seis meses

397

     Porto Alegre, 18 de dezembro de 2020 – O Banco do Japão (BoJ) ampliou a duração das compras adicionais de títulos de dívida pública e corporativos em seis meses, até o final de setembro de 2021, citando os impactos da pandemia do novo coronavírus na economia japonesa.

     O banco continuará realizando compras destes ativos com um limite superior de cerca de 20 trilhões de ienes no total. Além disso, vai destinar 15 trilhões de ienes para as compras adicionais de commercial papers e títulos de empresas, que serão distribuídos entre cada ativo dependendo das condições de mercado.

     O BoJ manteve a taxa de depósitos em -0,1% e a meta para juros de 10 anos em zero. Com informações da Agência CMA.

     Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA