Dólar em baixa deve segurar preços domésticos do café

302

     Porto Alegre, 25 de novembro de 2020 – A novidade para o mercado brasileiro de café nesta quarta é a recuperação dos contratos futuros em Nova York. Mas com a queda do dólar, dificilmente o cenário para a comercialização deverá se alterar. A tendência é de mais um dia de negócios pontuais e preços cedendo.

     O mercado apresentou cotações mais baixas nesta terça-feira. A combinação de baixa para o arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) e da queda do dólar, além do desempenho negativo também do robusta em Londres, pressionou os valores no país.

     Com o cenário desfavorável na Bolsa e câmbio, o mercado andou mais lento no Brasil. Houve reporte apenas de uma ou outra negociação isolada, envolvendo pequenos volumes.

     No sul de Minas Gerais, o café arábica bebida boa com 15% de catação terminou o dia em R$ 565,00/570,00 a saca, no comparativo com R$ 570,00/575,00 de ontem. No cerrado mineiro, arábica bebida dura com 15% de catação teve preço de R$ 570,00/575,00 a saca, contra r$ 575,00/580,00 do dia anterior.

     Já o café arábica “rio” tipo 7 na Zona da Mata de Minas Gerais, com 20% de catação, teve preço de R$ 410,00/415,00 a saca, contra R$ 415,00/420,00 de ontem. O conilon tipo 7 em Vitória, Espírito Santo, teve preço de R$ 395,00/400,00 a saca, comparado a R$ 400,00/405,00 do dia anterior.

ADIDO

* A produção de café total da Indonésia em 2020/21 (abril/março) deverá chegar a 10,7 milhões de sacas de 60 quilos, estável contra a safra de 2019/20. A estimativa é do adido do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Embora estável no comparativo com a safra anterior, o adido elevou a previsão em relação ao levantamento anterior do USDA, que estimava safra 2020/21 em 10,3 milhões de sacas.

* A produção de arábica em 2020/21 na Indonésia é colocada em 1,3 milhão de sacas, contra 1,25 milhão de sacas em 2019/20. A safra 2020/21 do robusta é estimada em 9,4 milhões de sacas em 2020/21, no comparativo com 9,45 milhões de sacas em 2019/20.

* Para o adido do USDA, o consumo total no país em 2020/21 deverá ficar em 4,45 milhões de sacas, com queda de 9,2% contra 2019/20 (4,9 milhões de sacas). O adido indicou que o consumo na Indonésia foi muito prejudicada pela pandemia do coronavírus, com o fechamento do comércio.

* As exportações totais do país deverão alcançar 7,085 milhões de sacas em 2020/21, no comparativo com 7,172 milhões de sacas em 2019/20. Os estoques finais de café da temporada 2020/21 na Indonésia estão projetados em 2,423 milhões de sacas, contra 2,298 milhões de sacas em 2019/20.

NOVA YORK

* Os contratos com entrega em março registram valorização de 0,9% na Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE), cotados a 116,95 centavos de dólar por

libra-peso.

* A posição março/2021 fechou na terça-feira a 115,90 centavos de dólar por libra-peso, queda de 1,15 centavo, ou de 1,0%.

CÂMBIO

*O dólar comercial registra desvalorização de 0,31% a R$ 5,358.

INDICADORES FINANCEIROS

* As principais bolsas da Ásia encerraram mistas. Xangai, -1,19%. Tóquio, +0,5%.

* As principais bolsas na Europa operam em baixa. Paris, -0,07%; Frankfurt, -0,32%; Londres, -0,55%.

* O petróleo opera com ganhos. Janeiro do WTI em NY: US$ 45,14 o barril (+0,53%).

* O Dollar Index registra alta de 0,02%, a 92,24 pontos.

AGENDA

– EUA: A segunda leitura do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre de 2020 será publicada às 10h30 pelo Departamento do Comércio.

– A posição dos estoques de petróleo até sexta-feira da semana passada será publicada às 12h30 pelo Departamento de Energia (DoE).

– EUA: A ata da última reunião de política monetária será publicada às 16h pelo Federal Reserve.

—–Quinta-feira (26/11)

– Feriado nos EUA – Dia de Ação de Graças.

– Atualização da estimativa para a safra mundial de grãos – CIG, na parte da manhã.

– Dados de desenvolvimento das lavouras do Paraná – Deral, na parte da manhã.

– O IBGE divulga às 9h os dados sobre o índice de preços ao produtor referentes a outubro.

– Eurozona: A ata da reunião de política monetária de outubro será publicada às 9h30 pelo do Banco Central Europeu (BCE).

– Dados de desenvolvimento das lavouras argentinas – Bolsa de Cereais de Buenos Aires, 15hs.

– Dados das lavouras no Rio Grande do Sul – Emater, na parte da tarde.

—–Sexta-feira (27/11)

– A FGV divulga às 8h os dados do Indice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) referentes a novembro.

– Dados do desenvolvimento das lavouras da Argentina – Ministério da Agricultura, no início do dia.

– Exportações semanais de grãos dos EUA – USDA, 10h30min.

– Dados de desenvolvimento das lavouras do Mato Grosso – IMEA, na parte da tarde.

– Levantamento sobre a evolução do plantio de soja no Brasil – SAFRAS, na parte da tarde.

     Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2020 – Grupo CMA