Índices europeus revertem ganhos e fecham em queda com commodities

146

   Porto Alegre, 17 de setembro de 2021 – Os principais índices do mercado de ações europeu fecharam o último pregão da semana em queda, revertendo os ganhos do início da sessão após dados fracos nos Estados Unidos e puxados por perdas no setor de commodities.

   O segmento europeu de matérias-primas fechou em queda de 3,76%, segundo o índice Stoxx 600, liderando as perdas na região, com notas negativas do Morgan Stanley e UBS e muito medo da situação chinesa, segundo o analista do Serenity Markets, Jose Luis Cárpatos.

   Além disso, a sessão de hoje foi marcada pela chamada “hora quadrupla”, quando as opções e futuros expiram em índice e ações, causando picos de volatilidade.

   Com relação aos dados, o índice de confiança do consumidor dos Estados Unidos, medido pela Universidade de Michigan e pela Thomson Reuters, subiu para 71,0 pontos em setembro, depois dos 70,2 pontos de agosto, permanecendo em níveis baixos não vistos desde 2011.

   Por fim, os investidores evitaram assumir grandes posições antes da reunião de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) na próxima semana, bem como da decisão do Banco da Inglaterra (BoE).

   Confira abaixo a variação e a pontuação dos índices europeus no fechamento:

    FTSE-100 (Londres): -0,91%, 6.963,64 pontos

    DAX-30 (Frankfurt): -1,29%, 15.455,62 pontos

    CAC-40 (Paris): -0,79%, 6.570,19 pontos

    FTSE MIB (Milão): -0,87%, 25.738,0 pontos

    IBEX-35 (Madri): +0,58%, 8.783,90 pontos

    SMI-20 (Zurique): -0,71%, 11.943,20 pontos

    PSI-20 (Lisboa): -0,71%, 5.299,37 pontos

    Veja o acumulado dos índices na semana:

    FTSE-100 (Londres): -0,93%

    DAX-30 (Frankfurt): -0,97%

    CAC-40 (Paris): -1,40%

    FTSE MIB (Milão): +0,09%

    IBEX-35 (Madri): +1,05%

    SMI-20 (Zurique): -0,95%

    PSI-20 (Lisboa): -0,14%

    As informações partem da Agência CMA.

Revisão: Fábio Rübenich (fabio@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA