Lucro líquido da Cosan é recorde e soma R$ 3,3 bilhões no 3T21

121

     Porto Alegre, 16 de novembro de 2021 – A Cosan registrou lucro líquido de R$ 3,3 bilhões no terceiro trimestre de 2021, o maior da história da companhia, após lucro líquido de R$ 222,9 milhões no mesmo intervalo do ano anterior. O lucro líquido ajustado aumentou 6,7% no período, para R$ 531,0 milhões, na mesma base de comparação.

     De acordo com o CEO da Cosan, o cenário macroeconômico apresentou no período grande volatilidade nos mercados, impactando índices de preços, inflação e juros. Por outro lado, o controle da pandemia por meio da vacinação permitiu a aceleração da tendência de recuperação da atividade econômica, e, desta forma, alavancou o consumo dos mais diversos segmentos, permitindo ao nosso portfólio que entregasse resultado recorde no trimestre.

     A receita líquida do conglomerado registrou alta de 59,0% no terceiro trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior, para R$ 31,0 bilhões.

     O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado, que exclui os efeitos pontuais incorridos nos trimestres, foi de R$ 3,4 bilhões, alta de 6,7% na comparação anual. 

     Ao final do trimestre, a dívida líquida da Cosan era de R$ 28,6 bilhões, alta de 4,0% na comparação anual. A alavancagem, medida pela relação dívida líquida por ebitda, encerrou o período em 2,1 vez, queda de 1,0 ponto percentual (pp). Com informações da Cosan e da Agência CMA.

     Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA