Lucro líquido da Marfrig sobe para R$ 1,2 bi no 4T20

163

     Porto Alegre, 9 de março de 2021 – A processadora de alimentos Marfrig registrou lucro líquido de R$ 1,2 bilhão no quarto trimestre de 2020, mais de 43 vezes acima dos R$ 27 milhões registrado no mesmo período do ano passado. A receita líquida somou R$ 18,3 bilhões no período, aumento de 28%, na mesma base de comparação. As informações partem da Agência CMA.

     O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado subiu 30% no trimestre e totalizou R$ 2,1 bilhões, quando comparado ao mesmo trimestre do ano anterior.

     De outubro a dezembro de 2020, a Marfrig comercializou 910 mil toneladas de carnes, alta de 3,4% ante igual período do ano passado, sendo 670 mil comercializados no mercado interno e 240 mil toneladas no mercado externo.

     Na operação da América do Norte, foram comercializadas 516 mil toneladas, alta de 2,8% em comparação anual, enquanto na América do Sul a Marfrig comercializou 394 mil toneladas, alta de 4,1% em base anual.

     No quesito receita líquida, a América do Norte registou US$ 2,3 bilhões, 0,1% maior que o visto no mesmo período de 2019, enquanto na América do Sul o valor foi de R$ 5,6 bilhões, alta de 17,0%, na mesma base de comparação.

     Ao final do quarto trimestre, a dívida líquida da empresa ficou em US$ 2,9 bilhões, ante US$ 3,3 bilhões no quarto trimestre de 2019. A alavancagem, medida pela relação dívida líquida por ebitda, era de 1,6 vez no período, queda de 1,14 ponto percentual (pp). 

DISTRIBUIÇÃO DE DIVIDENDOS

     O conselho de administração da companhia propôs a distribuição de R$ 141 milhões em dividendos relativos ao exercício de  2020, valor que representa 50% do lucro líquido passível de distribuição aos  acionistas e equivalente a aproximadamente R$0,20 por ação. A proposta será debatida na assembleia geral ordinária que será realizada em 8 de abril.

     Lessandro Carvalho (lessandro@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA