Massey e Yara se juntam à Corteva no Programa Prospera

360

     Porto Alegre, 11 de junho de 2021 – Depois de impactar a vida de mais de 1.000 pequenos agricultores do semiárido e da zona da mata nordestinos, o Prospera entra em uma nova fase. Dois novos mantenedores passam a fazer parte do programa: Yara, líder mundial em nutrição de plantas, e Massey Ferguson, marca mundial do grupo AGCO – líder global em concepção, fabricação e distribuição de maquinário e tecnologia agrícola de precisão. A Corteva Agriscience também é mantenedora do programa, que tem o apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e da Associação Brasileira dos Produtores de Milho (ABRAMILHO).

     Desde 2017, o Prospera viabiliza a produção em larga escala de milho em zonas rurais do estado de Pernambuco por meio da capacitação dos pequenos agricultores em técnicas modernas de plantio e comercialização dos grãos. Esta transformação proporciona a expansão de renda dos agricultores da região, que reinvestem o lucro na lavoura seguinte, fomentando o desenvolvimento de suas comunidades.

     A chegada dos novos mantenedores permitirá a expansão das atividades do Prospera para os estados de Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. Hoje, esses estados produzem aproximadamente 900 mil toneladas de grãos, mas há uma demanda local estimada em mais de 6,6 milhões de toneladas e impulsionada pelos setores aviário e pecuário. Isso faz com que o preço do grão nesses estados seja um dos mais altos do Brasil.

     Os parceiros também trazem o seu conhecimento para a iniciativa, tornando esse suporte ao produtor rural ainda mais completo. Enquanto a Massey Ferguson oferece toda expertise para a melhor utilização de máquinas e implementos agrícolas para o produtor ter mais rentabilidade no campo; a Yara disponibiliza recomendação nutricional personalizada, feita a partir de análise de solo da região e o conhecimento centenário da empresa no assunto, para que os agricultores possam potencializar seus resultados de produtividade e sustentabilidade.

     “O Prospera é um exemplo bem-sucedido de como a parceria público-privada pode levar contribuições importantes para comunidades de todo país. Com capacitação e tecnologia, é possível levar produção em larga escala e alta produtividade para o Nordeste”, destaca Fernando Henrique Schwanke, Secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do MAPA.

     Desde o início do programa, a Cortevaoferece treinamentos teóricos e práticos sobre o manejo correto da lavoura. Os agricultores também recebem assistência técnica presencial e digital para que possam produzir com as mais modernas técnicas de cultivo, melhorando a produtividade.

     “Independentemente da cultura e região, são inúmeros os desafios dos produtores rurais no Brasil. No entanto, na agricultura familiar estabelecida no semiárido e zona da mata nordestinos, os obstáculos para alcançar eficiência e alta produtividade são ainda mais importantes. A chegada de novos mantenedores impulsionará o Prospera, beneficiando milhares de famílias e transformando o Nordeste em um relevante polo de produção de milho”, comenta Augusto Moraes, Diretor de Relações Governamentais da Corteva Agriscience.

     A expectativa é que a combinação das tecnologias e soluções agrícolas desenvolvidas pelos mantenedores possa levar a um novo recorde produtivo do Prospera, que hoje é de 125 sacos por hectare. O objetivo do programa para os próximos cinco anos é impactar mais de 50 mil pequenos agricultores, ajudando-os a abastecer a cadeia local.

Copyright 2021 – Grupo CMA