Preços do café devem subir no início da quarta-feira no Brasil

141

     Porto Alegre, 8 de dezembro de 2021 – A tendência é de reação nos preços do café no mercado físico no início do dia, acompanhando a boa valorização dos contratos futuros na Bolsa de Mercadorias de Nova York.

      O mercado teve uma terça-feira de preços mais baixos e lentidão. Na parte da manhã, houve alguma movimentação enquanto a Bolsa de Nova York (ICE Futures US) tinha ganhos para o arábica. Mas, a Bolsa caiu e teve fortes perdas no fechamento e o mercado nacional “esvaziou”, ficando travado. As bases recuaram ao final das contas. Mas, os vendedores procuraram segurar os preços e se afastaram das negociações.

     No sul de Minas Gerais, o café arábica bebida boa com 15% de catação terminou o dia em R$ 1.440,00/1.460,00 a saca, no comparativo com R$ 1.460,00/1.470,00 anteriormente. No cerrado mineiro, arábica bebida dura com 15% de catação teve preço de R$ 1.445,00/1.470,00 a saca, contra R$ 1.470,00/1.480,00 anteriormente.

     Já o café arábica “rio” tipo 7 na Zona da Mata de Minas Gerais, com 20% de catação, teve preço de R$ 1.330,00/1.350,00 a saca, contra R$ 1.345,00/1.360,00 de ontem. O conilon tipo 7 em Vitória, Espírito Santo, ficou em R$ 830,00/835,00 a saca, estável.

NOVA YORK

* Os contratos com entrega em março registram alta de 1,19% na Bolsa de Mercadorias de Nova York (ICE), cotados a 246,20 centavos de dólar por libra-peso.

* Os contratos com entrega em março/2022 fecharam a terça-feira-feira a 243,30 centavos de dólar por libra-peso, queda de 6,55 centavos, ou de 2,6%.

CÂMBIO

*O dólar comercial registra baixa de 0,12% a R$ 5,612. O Dollar Index registra baixa de 0,02% a 96,35 pontos.

INDICADORES FINANCEIROS

* As principais bolsas da Ásia encerraram em alta. Xangai, +1,18%. Tóquio, +1,42%.

* As principais bolsas na Europa registram índices firmes. Paris, +0,45%. Londres, +0,26%.

* O petróleo opera em alta. Janeiro do WTI em NY: US$ 72,14 o barril (+0,16%).

AGENDA

– A posição dos estoques de petróleo dos EUA até sexta-feira da semana anterior será publicada às 12h30min pelo Departamento de Energia (DoE).

– O BC divulga às 18h30 a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) sobre a taxa básica de juros, a Selic.

—–Quinta-feira (9/12)

– Alemanha: O resultado da balança comercial e do balanço de pagamentos de outubro será publicado às 4h pelo Destatis.

– Atualização das estimativas para a safra brasileira de grãos em 21/22 – Conab, 9hs.

– Levantamento Sistemático de Produção Agrícola de novembro – IBGE, 9hs.

– Exportações semanais de grãos dos EUA – USDA, 10h30min.

– Relatório de dezembro para oferta e demanda mundial e norte-americana – USDA, 14hs.

– Dados de desenvolvimento das lavouras argentinas – Bolsa de Cereais de Buenos Aires, 15hs.

– Dados das lavouras no Rio Grande do Sul – Emater, na parte da tarde.

—–Sexta-feira (10/12)

– Japão: O índice de preços ao produtor de novembro será publicado na noite anterior pelo Banco do Japão (BoJ).

– Alemanha: A versão revisada do índice de preços ao consumidor de novembro será publicada às 4h pelo Destatis.

– Reino Unido: A balança comercial de outubro será publicada às 6h30 pelo departamento de estatísticas.

– Reino Unido: A produção industrial de outubro será publicada às 6h30 pelo departamento de estatísticas.

– O IBGE divulga às 9h os dados sobre o Indice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) referentes a novembro.

– O IBGE divulga às 9h os dados sobre o Indice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) referentes a novembro.

– Levantamentos semanal sobre o desenvolvimento das lavouras argentinas – Ministério da Agricultura, na parte da manhã.

– EUA: O índice de preços ao consumidor de novembro será publicado às 10h30 pelo Departamento do Trabalho.

– Dados de desenvolvimento das lavouras do Mato Grosso – IMEA, na parte da tarde.

– Evolução do plantio de soja no Brasil – SAFRAS & Mercado, na parte da tarde.

     Dylan Della Pasqua (dylan@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA