USDA corta safra e estoques de trigo dos EUA em 2021/22 além do esperado

143

     Porto Alegre 12 de julho de 2021 – O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou nesta segunda-feira seu relatório de oferta e demanda de julho, com projeções para as safras 2021/22 e 20/21 de trigo nos Estados Unidos.

     A produção do cereal no país em 2021/22 é estimada em 1,746 bilhão de bushels, contra 1,898 bilhão estimados em junho. O mercado esperava 1,835 bilhão. Para a safra 2020/21, a produção estadunidense ficou em 1,826 bilhão de bushels.

     Os estoques finais do país em 2021/22 foram projetados em 665 milhões de bushels, contra 770 milhões no mês passado. O mercado esperava 711 milhões. Em 20/21, foram 844 milhões, contra 852 milhões em maio e 845 na expectativa do mercado.

     A projeção de exportações para 2021/22 caiu de 900 para 875 milhões de bushels, contra 992 milhões em 2020/21.

     A área plantada para 2021/22 é projetada em 46,7 milhões de acres. A área colhida deve ficar em 38,1 milhões de acres.

     Para 2021/22, o USDA estima a safra do hard winter em 805 milhões de bushels e estoques finais de 369 milhões de bushels; o hard spring tem produção estimada em 305 milhões de bushels e estoques finais de 119 milhões de bushels; o soft red tem produção prevista de 362 milhões de bushels e estoques finais em 105 milhões de bushels; o trigo white deve ter safra de 237 milhões de bushels e estoques finais em 51 milhões de bushels, enquanto a variedade durum tem produção de 37 milhões de bushels, e estoques finais de 20 milhões de bushels.

     Gabriel Nascimento (gabriel.antunes@safras.com.br) / Agência SAFRAS

Copyright 2021 – Grupo CMA